sexta-feira, junho 23, 2017

POLÍTICA E POLÍTICOS

 Está errado o ministro Fachin ao afirmar que as instituições não estão em crise. As instituições só funcionam perfeitamente quando seus membros estão a cumprir o seu papel constitucional. E não é o que acontece no Brasil, onde os três poderes estão evidentemente corrompidos. Temos um presidente da República acuado por sucessivas denúncias; um Congresso onde mais da metade de seus integrantes estão vendidos aos interesses de grandes empresas; e um judiciário sob suspeição ao emitir sentenças de caráter mais político do que jurídico. Entretanto, Fachin está certo quando fala sobre a criminalização da política. Quem deve ser criminalizado são os políticos, não a política. Não existe saída fora da política, a não ser que o País opte pelo anarquismo. Mesmo nas ditaduras mais ferrenhas as decisões são políticas. O que de fato está em jogo, e sob risco, é a democracia. Muitos estão a defender uma ditadura. Eu defendo a democracia, e creio que a limpeza que a Lava Jato está a fazer, separando o joio do trigo, fará  com que as instituições voltem a funcionar plenamente.

Nenhum comentário: