segunda-feira, novembro 07, 2016

LULA QUER RESTAURAR A CORRUPTOCRACIA




Lula finge viver fora da realidade. Ao propor aos seus comandados vermelhos a “restauração da democracia”, o ex-presidente tenta manter a sua liderança sobre a esquerda, ao mesmo tempo em que procura desviar o foco das investigações de que está sendo alvo pela Justiça, onde é réu em tres processos.

Lula mais do que ninguém sabe que a democracia foi seriamente agredida, não pelo atual governo, mas pela irresponsabilidade, ausência de ética e incompetência do próprio Lula e de sua sucessora. O petista recebeu de Fernando Henrique um país com problemas, mas bem estruturado política e economicamente. Por sua vez, Temer herdou de Dilma um país semidestruído, com inflação, corrupção, desemprego, dívidas, contas públicas desorganizadas e produtividade baixa.

O que o Partido dos Trabalhadores e seus “puxadinhos” vêm denominando “golpe” foi de fato uma reação perfeitamente legítima e democrática da sociedade e das instituições a uma situação de total anarquia política e desordem econômica. Em discurso, Lula conclama explicitamente os seus subalternos a restaurar a antiga ordem, e insinua o emprego da força. As eleições municipais deste ano evidenciaram o repúdio da sociedade a esse tipo de discurso, ao  recolocar o PT no gueto em que merece ficar.

O atual governo trabalha para reorganizar o país. As propostas de reforma  previdenciária e trabalhista, bem como a PEC do congelamento dos gastos públicos, são duras, mas vão na direção correta. Falham, porém, especialmente a última, ao ficarem limitadas ao poder Executivo,   não sendo incorporadas pelos poderes Judiciário e Legislativo, que praticam gastos exorbitantes.

Enquanto isso, e na contramão do desejo da sociedade, o ex-presidente Lula tenta incendiar o país através de sindicatos e movimentos atrelados ao PT, como acontece agora no episódio da invasão de escolas públicas por meia dúzia de estudantes manipulados. A população sabe o que ele realmente quer: sob a coberta de um discurso “progressista”, Lula, de fato, quer  restaurar não a democracia, mas a corruptocracia, da qual ele usufruiu e se enriqueceu, e que vem sendo combatida por Moro e outros juízes.

Nenhum comentário: