quarta-feira, julho 02, 2008

ESMOLISMO E POPULARIDADE

Em diversas ocasiões, Lula repetiu que é fácil governar para os pobres. De fato, a pobreza material somada à pobreza cultural cria no governado um sentimento de impotência, de submissão, de dependência que torna a permanência do governante no poder menos árdua. Talvez esse fato explique por que Lula, mesmo tendo realizado um governo medíocre e com suspeita de conivência com a corrupção, permaneça incólume e se projete para além de 2010 sustentado nos altos índices de popularidade.
ESMOLISMO E POPULARIDADE

Está aí, à vista de todos: somente quem é tolo, cego ou cúmplice não é capaz de reconhecer que o governo Lula da Silva tem comprado a consciência da maioria do povo brasileiro com o dinheiro tomado desse mesmo povo. E não se trata como muitos pensam de uma prática à la "Robin Hood"- que rouba dos ricos e distribui aos pobres -, mas de uma planejada, astuciosa e mal-intencionada política que toma da sociedade cerca de 40% dos seus recursos e a ela devolve em forma de “bolsas” uma parte dessa arrecadação.E os pobres - o objeto de todas essas políticas distributivas - também pagam uma parcela da conta, em razão dos impostos embutidos nos preços dos produtos e serviços.

Em época de grave crise , catástrofes ou conflagração é compreensível e justificável que os governos adotem programas de socorro social. Os Estados Unidos tiveram que recorrer, por meio do programa New Deal, implementado na década de trinta pelo presidente Franklin Roosevelt, às práticas assistencialistas.Estas, porém, estavam acopladas a programas de recuperação e reconstrução do país abalado pela grande crise econômica. No Brasil, o atual assistencialismo governamental, além de ser um fim em si mesmo, tem se constituído num meio der manter cativa e subserviente a imensa parcela carente da população que passa a se constituir na gigantesca massa de manobra e clientela eleitoral de Lula , sempre pronta a retribuir com os seu voto tamanha “generosidade” governamental.O fato é que com o Bolsa Família e seus congêneres,Lula e o PT federalizaram o velho clientelismo que ainda permanece intocável nos rincões do país.

A adoção do assistencialismo como política social padrão do governo petista, cria nos mal informados a falsa ilusão de que a renda das camadas mais carentes da sociedade está sendo consistentemente aumentada, o que de fato não acontece pelo óbvio motivo de que os setores públicos que de fato poderiam contribuir para consolidar a diminuição das desigualdades não estão sendo trabalhados: a educação, a saúde pública, o saneamento e a qualificação profissional continuam tão desprezados pelo governo atual quanto o foram nos governo anteriores, o que impede que as camadas desfavorecidas tenham uma real ascensão social. O atual quadro que une o assistencialismo à negligência com as políticas sociais efetivas tende a perpetuar o quadro de pobreza, pois a simples caridade governamental,sem a oferta dos instrumentos e das oportunidades para a ascensão social, cria apenas uma situação de momentânea melhoria no padrão de vida da população mais pobre.

O resultado não poderia ser outro: enquanto o presidente Lula anuncia o reajuste de 8% dos benefícios do programa Bolsa Família e chama de "insensíveis " os críticos do reajuste, o levantamento CNI-IBOPE divulgado na última segunda feira mostra que 58% dos entrevistados considera sua gestão "ótima ou boa". Em que pese a maioria dos brasileiros rejeitar as políticas para a segurança, os juros e a inflação ascendentes, cerca de 60% da população está de acordo com os programas sociais de combate à fome, ou seja , a Bolsa Família e seus derivados .

De fato, poucos são os que criticam o caráter eminentemente clientelístico dos programas sociais de Lula. A própria oposição tem receio de tocar no assunto, e quando o faz é para aplaudir "com restrições". Na campanha eleitoral de 2006 era visível o temor do candidato tucano em denunciar o espírito oportunista e eleitoreiro do Bolsa Família. Perguntado se iria acabar com o programa , respondia que iria “melhorá-lo”. Poucos, também, são os que questionam a necessidade urgente de uma revolução no ensino público brasileiro, fato que seria capaz de construir uma nova geração de pessoas altivas e conscientes, com chances reais de sair da pobreza, e dispostas a construir o País com o seu próprio esforço, livres, portanto, da eterna dependência do governo.

Em diversas ocasiões, Lula repetiu que é fácil governar para os pobres. De fato, a pobreza material somada à pobreza cultural cria no governado um sentimento de impotência, de submissão, de dependência que torna a permanência do governante no poder menos árdua. Talvez esse fato explique por que Lula, mesmo tendo realizado um governo medíocre e com suspeita de conivência com a corrupção, permaneça incólume e se projete para além de 2010 sustentado nos altos índices de popularidade.O mal que o governo Lula e o imenso esmolismo federal está causando ao País só será melhor avaliado daqui alguns anos. E aí, a tarefa de algum futuro governante que se proponha a construir, de fato, o Brasil, será gigantesca.
020708

13 comentários:

aguinaldo disse...

MELHOR QUE BOLSA "VALE-VOTO" FAMILIA, É CARTEIRA DE TRABALHO ASSINADA...
QUE TAL INCREMENTAR A ECONOMIA , E COM ISSO
FAVOREVER A BUSCA DE EMPREGOS AO INVÉS DE, DAR PURA E SIMPLESMENTE UM VALOR MENSAL AO BENEFICIÁRIO?.
NAO SOU CONTRA O BOLSA-FAMILIA, MAS, DO JEITO QUE VEMOS TODOS O DIAS, ESTA MUITO MAIS PARA PLANO ASSITENCIALISTA ELEITOREIRO, QUE VISA, PRIMORDIALMENTE A SIMPATIA E PORTANTO O VOTO DO BENEFICIÁRIO..
AHHH ALEM DE ECONOMIA CRESCENTE PARA GERAR EMPREGOS, ESCOLA BÁSICA E FUNDAMENTAL, PARA QUE ESTAS CRIANÇAS NAO SEJAM OS "BENEFICIÁRIOS" DESSA "COISA" NO FUTURO...
HÁ QUEM O COMPARE AO VOTO DE CABRESTO DE OUTRORA E TAO CRITICADO , COM TODA A RAZAO , PELOS AGORA PETISTAS ESQUECIDOS

andrade disse...

As pessoas que criticam o bolsa família, só estão preocupadas com o seu próprio bem estar, sempre foram privilegiados. Será que se tivessem passado fome fariam a mesma crítica. Acredito que não seja o melhor, mas é uma forma de permitir que o excluído vá adquirindo condições de participar da sociedade como cidadão, de redistribuir um pouco da renda que é tão concetrada nas mãos de poucos. Dificilmente ele conseguirá no mínimo estudar se não tiver alimentado. O interesse pode até ser eleitoreiro, mas pelo menos se faz alguma coisa para quem realmente precisa. Quando o País conseguir recuperar todo o tempo em que os menos favorecidos foram espoliados e escravizados pelas elites, a crítica contra o programa tenha sentido.

Anônimo disse...

TOP, TOP, TOP... NO C. DOS PTRALHAS, DO LULLALALAU, DO CHAVES DE CADEIA, EE DO MARCO AURÉLIO TOP TOP TOP América Latina Ingrid Betancourt é solta por Exército colombiano - Tropas conseguiram resgatar ex-candidata presidencial, que estava em poder das Farc havia seis anos. Outros 14 reféns (três americanos, onze militares) foram soltos

Anônimo disse...

LULLALAU BEIRAMAR NO XADREZ.
CRIME CONTRA A HUMANIDADE. LULLALAU NUNCA MAIS! Nazista, Facistas, PTRALHAS Lullanaticos.


TOP, TOP, TOP... NO C. DOS PTRALHAS, DO LULLALALAU, DO CHAVES DE CADEIA, E DO MARCO AURÉLIO TOP TOP TOP América Latina Ingrid Betancourt é solta por Exército colombiano - Tropas conseguiram resgatar ex-candidata presidencial, que estava em poder das Farc havia seis anos. Outros 14 reféns (três americanos, onze militares) foram soltos.

Anônimo disse...

Como foi a operação 1 - O comunicado oficial
Leiam o comunicado do Ministério das Relações Exteriores da Colômbia e parem de dar bola para a quantidade de bobagens que os acadêmicos estão dizendo na TV. Abaixo, seguem também os nomes dos libertados. Comento no post seguinte:

Comunicado Ministerio de Defensa. Rescatados por la fuerza Pública, Ingrid Betancourt, 3 norteamericanos y 11 uniformados

OPERACIÓN JAQUE

Nos permitimos comunicarle a la opinión pública nacional e internacional lo siguiente:

En una operación especial de inteligencia planeada y ejecutada por nuestra inteligencia militar fueron rescatados sanos y salvos 15 de los secuestrados que se encontraban en manos de las FARC.

Entre los secuestrados rescatados se encuentran Ingrid Betancourt, los tres ciudadanos norteamericanos, y 11 miembros de nuestra Fuerza Pública.

Fueron rescatados en una operación en donde se logró infiltrar la primera cuadrilla de las FARC, comandada por alias Cesar, la misma cuadrilla que ha mantenido durante los últimos años a un grupo numeroso de secuestrados en su poder.

A través de diferentes procedimientos se logró también infiltrar al secretariado. Como los secuestrados estaban divididos en tres grupos, se logró que se reunieran en un solo sitio y luego se facilitara su traslado al sur del país para que supuestamente pasaran directamente a órdenes de Alfonso Cano.

Se coordinó para que los secuestrados fueran recogidos en un sitio predeterminado por un helicóptero de una organización humanitaria ficticia. Se coordino también que el propio alias Cesar y otro miembro de su estado mayor viajaran personalmente con los secuestrados para entregárselos a Alfonso Cano.

Los helicópteros que en realidad eran del Ejercito Nacional y tripulados por personal altamente calificado de nuestra inteligencia, recogieron a los secuestrados en inmediaciones del departamento del Guaviare hace unos minutos y están volando libres, sanos y salvos a San José. Allá abordarán un avión que los llevará a Tolemaida.

Alias Cesar y el otro miembro de su cuadrilla fueron neutralizados en el helicóptero y serán entregados a las autoridades judiciales para que sean procesados por todos sus delitos.

A los miembros de la cuadrilla que acompañaron a Cesar en la operación de entrega ?unos quince más o menos- como al resto que se encontraban a unos kilómetros- decidimos no atacarlos y les respetamos la vida en espera de que las FARC, en reciprocidad, suelten al resto de los secuestrados.

Esta operación, que se denominó JAQUE, es una operación sin precedentes que pasará a la historia por su audacia y efectividad, y que deja muy en alto la calidad y el profesionalismo de las fuerzas armadas colombianas.

Quince secuestrados rescatados sin disparar un solo tiro.

Mis felicitaciones muy sinceras a nuestros hombres de la inteligencia del Ejército, al general Mario Montoya, su Comandante, y al General Freddy Padilla quien estuvo al frente de la operación de principio a fin.

El país, el mundo y los seres queridos de los secuestrados no tendrán como agradecerles a estos generales y a sus hombres, semejante operación de rescate.

Seguiremos trabajando día y noche para lograr la liberación del resto de los secuestrados.

Una vez más hacemos un llamado a los nuevos cabecillas de las FARC para que depongan las armas, para que no se hagan matar ni sacrifiquen a sus hombres, para que se desmovilicen.

El gobierno les reitera que si quieren entrar a negociar en serio y de buena fe, les ofrecemos una paz digna.

Los liberados son:
Ingrid Betancur
Keith Stansell
Thomas Howen
Mark Gonsalvez
Teniente Juan Carlos Bermeo del Ejército
Subteniente Raimundo Malagón del Ejército
Sargento Segundo José Ricardo Marulanda del Ejército
Cabo Primero William Pérez del Ejército
Sargento Segundo Erasmo Romero del Ejército
Cabo Primero José Miguel Arteaga del Ejército
Cabo Primero Armando Florez del Ejército
Cabo Primero Julio Buitrago de la Policía
Subintendente Armando Castellanos de la Policía
Teniente Vianey Rodríguez de la Policía
Cabo Primero John Jairo Duran de la Policía

Anônimo disse...

Agencia Estado - 2/7/2008 16:53
Jarbas Vasconcelos chama Minc de 'bobo da corte'
Em discurso feito hoje no plenário do Senado, Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) reagiu duramente à acusação do ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, de que na sua gestão como governador aprovou um "acordo imoral" que permitiu o desmatamento por usinas de açúcar de Pernambuco, multadas pelo Ibama em R$ 120 milhões. Ele chamou Minc de "o mais novo aloprado do governo federal" e de "bobo da corte".


"Tenho verdadeira ojeriza, completo nojo dos populistas, dos bobos da corte que se divertem atacando a honra alheia. Este é o caso do senhor Minc, que tem mais vocação para animador de auditório do que para ministro de Estado. Para compensar suas deficiências morais e de gestão, o senhor Minc optou pelos factóides populistas", assinalou Jarbas Vasconcelos.


O senador declarou que o acordo com os usineiros foi feito no atual governo de Pernambuco, de Eduardo Campos, do PSB, aliado do governo federal, por meio do Termo de Compromisso Agro-Industrial 6.132, firmado em setembro de 2007. Segundo o senador, o ministro do Meio Ambiente fez "acusações mentirosas e caluniosas".

Anônimo disse...

Nazista, Facistas, PTRALHAS Lullanaticos. TOP, TOP, TOP... NO C. DOS PTRALHAS, DO LULLALALAU, DO CHAVES DE CADEIA, E DO MARCO AURÉLIO TOP TOP TOP América Latina Ingrid Betancourt é solta por Exército colombiano - Tropas conseguiram resgatar ex-candidata presidencial, que estava em poder das Farc havia seis anos. Outros 14 reféns (três americanos, onze militares) foram soltos.

Anônimo disse...

02/07/2008 - 20h17
Veja repercussão do resgate de Betancourt na imprensa internacional -

colaboração para a Folha Online -
A imprensa internacional deu destaque ao resgate de 15 reféns das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) pelo Exército Colombiano, entre eles a ex-candidata à Presidência Ingrid Betancourt e três norte-americanos.
A libertação foi confirmada pelo ministro da Defesa colombiano, Juan Manuel Santos. Ele afirmou que o estado de saúde de todos os reféns está razoavelmente bom após os anos que passaram na selva colombiana.
"Essa foi uma ação sem precedentes", declarou Santos, em coletiva na sede do Ministério da Defesa, em Bogotá. "Isso entrará na história por sua audácia e efetividade."
A franco-colombiana Betancourt foi seqüestrada em 2002, quando fazia campanha eleitoral para sua candidatura. Ela foi vista pela última vez em um vídeo da guerrilha divulgado no ano passado, onde aparecia abatida e doente.
Líderes políticos mundiais se pronunciaram e comemoraram a libertação de Betancourt. /
Veja repercussão na imprensa internacional: /
"New York Times" (EUA) ->
"Quinze reféns mantidos por rebeldes colombianos são libertados"
A Colômbia anunciou nesta quarta-feira ter resgatado 15 reféns da guerrilha das Farc, incluindo Ingrid Betancourt, ex-candidata presidencial, e três norte-americanos mantidos pela guerrilha a mais de quatro anos.
Os EUA estavam envolvidos no plano da operação e ajudaram com "o apoio específico", de acordo com a Casa Branca. Mas os oficiais não descreveram a natureza deste apoio, nem disseram se foram incluídos serviços de inteligência ou ajuda militar.
O resgate dos reféns, os quais o ministro da Defesa afirmou estarem em bom estado de saúde, marca a maior vitória da Colômbia na luta contra as Farc (Forças Armadas revolucionárias da Colômbia), uma insurgência de inspiração marxista que tenta derrubar o governo colombiano há mais de quatro décadas.
O filho de Betancourt, Lorenzo Delloye, afirmou à agência France Presse que as notícias são um "uma felicidade imensa, uma felicidade indescritível" /
"Guardian" (Reino Unido) ->
"Militares colombianos resgatam reféns, incluindo Betancourt"
A Colômbia resgatou Ingrid Betancourt e três norte-americanos de guerrilheiros de esquerda nesta quarta-feira, após uma operação de espiões militares que enganaram os rebeldes e os renderam sem um único ferido, segundo o ministro da Defesa, juan Manuel Santos.
Ao todo, a operação libertou 15 reféns, incluindo soldados e policiais colombianos, afirmou Santos.
O resgate é a mais séria derrota para a guerrilha de 44 anos das Farc, que considerava Betancourt e os três americanos como suas moedas mais valiosas de barganha.
Em Paris, o filho da política franco-colombiana, Lorenzo Delloye, chamou a libertação da mãe, após seis anos de cativeiro, de "se verdadeira, a notícia mais bonita de toda a minha vida".
As famílias dos três reféns norte-americanos Marc Gonsalves, Thomas Howes e Keith Stansell não deram entrevistas. /
"El País" (Espanha) ->
"Libertados Ingrid Betancourt e três norte americanos em poder das Farc"
O Exército da Colômbia resgatou sãos e salvos a ex-candidata presidencial Ingrid Betancourt, três norte-americanos e 11 militares seqüestrados pelas Farc, anunciou hoje o ministro da Defesa, Juan Manuel Santos. Depois de 2.323 dias em cativeiro na selva colombiana, Betancourt poderá voltar a ver seus familiares e amigos.
Eles estavam a 72 quilômetros do povoado de San José del Guaviare, no sudoeste do país. Dois helicópteros ajudaram o resgate e, segundo o general Freddy Padilla de León --a maior autoridade das Forças Militares Colombianas-- dois guerrilheiros foram detidos na operação. Segundo o ministro Santos, os resgatados estão com "um estado de saúde razoável"
"Minhas felicitações muito sinceras a nossos homens da Inteligência do Exército", acrescentou Santos, ao mencionar os generais Freddy Padilla, comandante das Forças Militares, e Mario Montoya, comandante do Exército, pelo resgate, que teve como nome "Operação Jaque" e se realizou "sem o disparo de nenhum tiro".
"Esta operação que se denominou Jaque não tem precedentes e mostra a qualidade e o profissionalismo das Forças Militares colombianas", disse Santos, que acrescentou que "o país não terá como agradecer-lhes semelhante operação de resgate", que estava em execução há mais de um ano. /
"Le Monde" (França) ->
"Ingrid Betancourt foi libertada"
Uma operação realizada pelas Forças Armadas Colombianas permitiu a liberação, quarta-feira (2 de julho), da antiga candidata às eleições presidenciais Ingrid Betancourt ao lado de três cidadãos norte-americanos e 11 militares colombianos que estavam seqüestrados pelas Farc.
Juan Manuel Santos, ministro colombiano da Defesa, anunciou a notícia em Bogotá, precisando que a operação ocorreu perto de San Jose del Guaviare, no sudeste do país.
Segundo a mesma foste, dois helicópteros participaram da operação, na qual dois guerrilheiros foram detidos. O ministro afirmou que a operação estava em curso há um ano e ressaltou o trabalho feito pelos generais Freddy Padilla de leon, chefe das Forças Armadas, e Mario Montoya, responsável pela zona onde ocorreu a operação.
Ao anunciar a libertação dos reféns, o ministro da Defesa afirmou ter ocorrido uma operação de infiltração de nível muito alto. Ele disse que os reféns se encontravam detidos em três diferentes lugares e que, para permitir a libertação, foi necessário que as Forças Armadas Colombianas se infiltrassem no secretariado, a direção coletiva de mais alto nível das Farc.
E foi nesse contexto os responsáveis pela movimentação da guerrilha decidiram unir os reféns, para transferi-los ao controle único de Alfonso Cano, quem assumiu a liderança das Farc após a recente morte de Manuel Marulanda, conhecido como "Tirofijo". /
"El Clarín" (Argentina) ->
"Golpe às Farc: resgataram Ingrid Betancourt em uma operação militar audaz" -
Estava há mais de seis anos no poder da guerrilha. Também libertaram a outros 14 reféns, entre eles três norte-americanos. Segundo o governo de Uribe, a operação foi realizada por soldados do exército que se infiltraram na organização rebelde.
Foi uma preocupação que se prolongou por seis anos, com a selva como cúmplice involuntária. E que se converteu no símbolo do dramático conflito interno que sangra a Colômbia há quatro décadas.
A história de seu cativeiro, que gerou um repúdio unânime da comunidade internacional, escreveu nesta tarde seu capítulo final: Ingrid Betancourt, ex-candidata presidencial e refém da guerrilha das Farc desde 2002, foi resgatada ilesa junto a outros 14 reféns em uma operação audaz organizada por tropas de Bogotá.
O anúncio oficial ficou nas mãos do ministro da Defesa colombiano, Juan Manuel Santos. Segundo afirmou, as tropas do governo conseguiram "infiltrar-se na guerrilha das Farc, a mesma guerrilha que tem mantido um numeroso grupo de seqüestrados em seu poder nos últimos anos". /
"El Tiempo" (Colômbia) ->
"Resgatada Ingrid Betancourt, os três norte-americanos e outros 11 seqüestrados da Força Pública"
Encontram-se sãos e a salvo. Assim comunicou o ministro da Defesa, Juan Manuel Santos, em uma coletiva.
A libertação ocorreu nesta manhã (horário local) a cerca de 70 quilômetros ao sul da cidade de San José del Guaviare, capital departamental, em um lugar sobre o rio Apaporis, em uma operação realizada por um grupo de elite das Forças Armadas Colombianas, acrescentou o ministro.
Na operação foram capturados vários guerrilheiros, entre eles um chefe das Farc conhecido somente como César, afirmou ele.
Betancourt foi seqüestrada em 2002 pelos rebeldes das (Farc) Forças Armadas revolucionárias da Colômbia, quando realizava campanha pela presidência.
Os três norte-americanos foram seqüestrados em fevereiro de 2003 quando o avião em que realizavam operações antidrogas nas selvas de Caquetá (sudeste) caiu em território controlado pelos rebeldes.

Anônimo disse...

Ingrid: agradecimentos a Uribe. Ingrid Bettancourt, discursando com firmeza, agradeceu a Deus, a todos os que torceram por sua libertação, ao Exército e ao... presidente Álvaro Uribe. E confirmou, passo a passo, a operação que relato posts abaixo, de acordo com o comunicado do Ministério das Relações Exteriores.

O governo da Colômbia certamente sabia que dispunha de tempo para levar a cabo a operação de resgate. E fez muito bem em ignorar os sapos de fora, inclusive os brasileiros, que davam pitaco. A menos que as Farc tenham caprichado em alguma multimistura nos últimos dias,
Respondendo a uma pergunta do New York Times, Ingrid voltou a agradecer, por duas vezes, a sua libertação ao presidente Álvaro Uribe, contrariando essa algaravia de filoterroristas que ficam dando opinião da imprensa brasileira. A mãe de Ingrid também foi grata a Uribe, lembrando que sempre criticou muito o governo.

Contrariando a conversa mole vigente porá aí, Ingrid disse que defende, sim, operações de resgate, apesar dos riscos. E afirmou que é melhor morrer pondo as mãos na liberdade, ainda que por alguns instantes, do que morrer na mão dos terroristas.

Anônimo disse...

TOP TOP TOP ...
XÔ PTralhas Assassinos! XÔ IncomPTentes! XÔ MULLA!

Comentário:
Tropas da Colômbia resgatam Ingrid Betancourt e 14 reféns: O Exército colombiano resgatou nesta quarta-feira Ingrid Betancourt e mais 14 reféns seqüestrados pelas Farc. Betancourt havia sido seqüestrada em 2002, quando fazia campanha à Presidência. Libertação deve influenciar referendo - Áudio Farc perde sua refém mais importante - Libertação vira tema de discussão em Brasília - Família de Ingrid Betancourt viaja à Colômbia - Exército detalha operação de resgate - Bush felicita Uribe pelo resgate dos reféns - Ex-refém diz que nunca perdeu a esperança.

Anônimo disse...

Hoy todos nos sentimos más hermanos del pueblo de Colombia. A mi me emociona su triunfo. Quiero darles una felicitación muy grande.
Felicitaciones Presidente Alvaro Uribe!
Felicitaciones Ejercito Colombiano!
Que viva el pueblo de Colombia!

Anônimo disse...

DEUS SEJA LOUVADO! Ingrind assim agradeceu.


E OS SEJAM COMUNISTA INTERNADO!
OS ALOPRADOS VOMITADOS!
E Os CorruPTos engaiolados!
E os PTralhas nunca mais votados!


Ingrid Betancourt reencontra filhos em aeroporto da Colômbia Franco-colombiana estava no cativeiro das Farc desde 2002 e foi resgatada ontem pelo Exército colombiano. Emocionada, ela chorou ao reencontrar os dois filhos.

Pronto Falei disse...

O considero um gênio, pois o que vc disse no passado se concretizou no futuro.
Você inventou o termo esmolismo? isso com a inspiração luliniana?