quarta-feira, agosto 16, 2006

O QUE ACONTECE - 16 AGO.

Começou o horário eleitoral no rádio e na TV. Arghh. A legislação eleitoral bem que nos poderia privar de tal castigo.Do jeito em que são apresentados os programas,pouco ou nada acrescentam na tarefa de convencimento do eleitor.São trabalhos de marketing retocando imagens pessoais desgastadas e emoldurando promessas vazias e propostas irrealizáveis.O Lula apresentado pelo marketing eleitoral, por exemplo, é completamente diferente do Lula da entrevista do JN. O “Lula” dos marqueteiros, virtual, é seguro, articulado, simpático e cheio de projetos maravilhosos para o país. O Lula do JN, real, é inseguro, titubeante, desarticulado e incapaz de explicar as falhas políticas e éticas do seu governo. No bloco reservado aos candidatos majoritários a apresentação é mais elaborada. Os marqueteiros governistas procuram nos fazer crer que vivemos no melhor dos mundos, enquanto os marqueteiros da oposição tentam nos convencer de que vivemos no pior dos infernos.O bloco reservado aos candidatos proporcionais – deputados estaduais e federais – é uma tragédia só.São centenas de candidatos que se atropelam num curto espaço de tempo, com apresentações toscas e ridículas, numa verdadeira agressão aos nossos ouvidos e à nossa inteligência. Como programa humorístico até que faria sentido. Mas, como o seu propósito, acredito, não é fazer rir, acaba produzindo no eleitor um efeito contrário ao pretendido, pois ao invés de atrai-lo, afugenta-o.( FS )

Lula diz que viagens o fizeram conhecer Brasil
Candidato visita Montes Claros e recebe o apoio
de cerca de cem prefeitos das regiões mais pobres do Estado.


Amenidades marcam tom da campanha
Candidatos à Presidência da República iniciam
horário eleitoral gratuito no rádio e na TV
sem fazer ofensas pessoais


Deputado da Bahia é o 1º a renunciar
Para evitar a cassação pelo conselho de ética e a inelegibilidade,
Coriolano Sales (PFL) comunica afastamento.



Justiça ordena prorrogação de prisão dura para chefe do PCC
Marco Willians Herbas Camacho, o Marcola, permanecerá
por mais 30 dias no presídio de Presidente Bernardes, em SP.


Preço dos combustíveis pode sofrer novo reajuste
Motivos se deve a atual alta do petróleo, a crise no Oriente Médio
e o verão nos EUA, em um momento de baixos estoques


Ministro assina contratos de concessão de usinas
Concessão das sete usinas hidrelétricas negociadas em leilão,
será hoje, no auditóriodo Ministério de Minas e Energia.


Justiça adia processo contra a polícia no caso Jean Charles
O adiamento foi autorizado depois que o advogado
representando a polícia, disse que a defesa precisava de mais tempo


Hezbollah lidera reconstrução do Líbano
Exército libanês começa a reconstruir pontes, estradas e casas do país.
Reconstrução seria financiada pelo Irã


Fonte: www.otempo.com.br

3 comentários:

Donizette disse...

Fernando- Este horário de propaganda eleitoral tem muita mistificação. Veja o caso de Alckmin, agora Geraaaldo para os marqueteiros.Alckmin era filho de vereador. Não era pobre, como quis fazer acreditar. Tinha até empregada! Estudou em escola pública, como todos daquele tempo (escola, ainda que pública, era para poucos). Quer se fazer de inteligente, quando, na verdade, é uma besta. Filhinho-de-papai que teve a oportunidade de estudar, não foi capaz de cursar uma faculdade de primeira linha: fez Medicina na Unitau, faculdade de péssima linhagem.
É um burro acomodado, que sabia que papai lhe colocaria na política...

Anônimo disse...

ESTAMOS VIVENDO O MOMENTO MAIS CHOCHO DA POLÍTICA BRASILEIRA.
CORRUPTOS DISFARÇANDO SUAS "ATIVIDADES" COM SORRISOS MOSTRANDO O PARAISO EM QUE VIVEMOS.
CANDIDATOS MOSTRANDO QUE VIERAM DE FAMILIAS POBRES BUSCANDO UMA IDENTIFICAÇÃO COM AS CLASSES EMOTIVAS E IRRACIONAIS DO PAÍS.
CANDIDATA APELANDO PARA AS MÃES E MULHERES, E BRADANDO CONTRA OS LUCROS DOS BANCOS, ONDE SUAS CONTAS RECHEADAS REPOUSAM, CUIDADAS POR PERSONAL MANAGERS.
ENQUANTO ISSO O POVO SEM METRÔ PROCURA CHEGAR EM CASA DESVIANDO DAS BALAS DO PCC

Fernando Soares disse...

Anônimo, creia na sinceridade dos candidatos. Realmente são todos de origem humilde. Como se vê, no brasil a atividade pública é lucrativa...